Quais animais podem ser adestrados?

Todos os animais, desde que respeitamos sua fisiologia, comportamento natural da espécie e limitações, podem ser adestrados.

Adestramento de Animais
Estão falando de nós…
Tem certeza?
Sim. Não escapou ninguém….
Xiiiii….. melou…..

Como é feito o adestramento de animais?

Como utilizamos o método do reforço positivo conseguimos condicioná-los a várias coisas que podem facilitar nosso dia-dia e o bichinho ter um estímulo físico e mental, consequentemente melhor qualidade de vida e estar mais perto da família ou aproveitar melhor o ambiente.

Podemos montar jogos de enriquecimento ambiental para que eles possam caçar sua própria comida, estimular com sons e cheiros novos, podemos condicioná-los a subir na nossa mão por livre e espontânea vontade, buscar objetos, entrar em locais para transporte, deixar ser manipulado sem estresse, fazer as necessidades no local correto, socializa-los, entre outros.

Os animais mais comuns de serem treinados são aves e mamíferos exóticos e silvestres (desde que estejam legalizados) como calopsitas, papagaios, araras, coelhos, quati, ramster, porquinho da índia, chinchila, cacatua, cavalos, mini porcos, animais de zoológico, entre outros.

Regiões Atendidas

Zona Oeste São Paulo / SP – Lapa, Alto da Lapa, Pinheiros, Alto de Pinheiros, Vila Madalena, Perdizes, Pompéia, Vila Leopoldina, Vila Romana, Vila Ipojuca, Vila Beatriz, Vila Lobos, Butantã, Barra Funda.

Região Central São Paulo / SP – Jardins, Paraíso, Higienópolis, Santa Cecília, Centro, Bela Vista, Liberdade, Aclimação, Ipiranga.

Zona Sul São Paulo / SP – Vila Mariana, Vila Clementino, Ana Rosa, Saúde, Moema, Paraíso.

Zona Leste São Paulo / SP – Tatuapé, Parque São Jorge, Vila Azevedo, Maranhão, Vila São Geraldo, Penha de França, Vila Carlos de Campos, Chácara Califórnia, Vila Invernada, Vila Santo Estevão, Vila Antonina, Vila Carrão, Vila Formosa, Penha, Vila Granada, Cidade Patriarca, Jardim Maringá, Vila São Francisco, Arthur Alvim, Quarta Parada, Chácara Tatuapé, Mooca, República, Vila Buarque.